terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Fujifilm X-T1: a nova mirrorless da Fuji

Lançada neste dia 28 de janeiro (2014) a Fujifilm X-T1 possui corpo reforçado e muito mais resistente.


Por Diego Calvo
Do FL  

Sim, a tecnologia mirrorless está vindo para tentar bater as clássicas DSLRs semi-profissionais, e a Fuji não quer ficar para trás.

Hoje (28 de janeiro de 2014) a empresa está lançando sua nova máquina fotográfica, a Fujifilm X-T1.

A principal promessa da empresa, é que ela garante que a experiência de fotografar pelo visor do olho (uma deficiência das câmeras sem espelho) será praticamente igual a uma DSLR (vejacomo funciona as câmeras Reflex).

Resumindo, o visor tem um tempo de diferença, com a cena real, de 0,005 segundos. Nas DSLR este tempo não existe, já que ela funciona por reflexos ópticos.

Parece complicado né? Mas isso não fará muita diferença no dia-a-dia de um fotógrafo amador.

Na nossa opinião, a grande vantagem da Fujifilm X-T1 é que a câmera foi feita para resistir a intempéries do ambiente, como poeira e umidade. Isso amplia, e muito, a vida útil do equipamento, já que a poeira e a umidade são vilões para qualquer sistema eletrônico, ainda mais os que combinam com sistemas ópticos.


Você pode querer ver também:
Dicas para fotografar bem melhor
Dicas para fotografar a lua
Dicas para fazer fotometria
Fotógrafos famosos

A marca ainda garante que o foco automático (AF) da câmera é o mais rápido da categoria (ainda não testamos).

Além disso, ela acopla qualquer lente da linha X da Fuji (a linha não é ampla como a da Nikon ou da Canon, mas satisfaz o necessário).

Por fim, a Fujifilm X-T1 tem wi-fi, o que permite fazer backups de fotografias em computadores que estejam próximos. Ela também possui o sistema Time Lapse, que fotografa até 999 vezes em um intervalo de 1seg à 24 horas.

O ecrã (telinha para ver a foto), além de móvel, é bem resistente, feito de LCD com vidro temperado. O ISO vai de 100 até 25600, o que é muito bom para fotos em ambientes escuros.

Ela também possui entrada para flash externo, isso amplia ainda mais as possibilidades de trabalhar a foto.





Até aqui a câmera parece ser muito atraente, mas o preço é um pouco salgado. Ela, só o corpo, custa US$ 1.300,00 e com a lente do kit, uma 18-55mm f/2.8-4 sai por US$ 1.700,00.


Para saber, mais ou menos, quanto a Fujifilm X-T1 sairá aqui no Brasil, com os devidos tributos e lucros acrescentados, converta a moeda para reais (na cotação do dia) e multiplique por dois. Pode sair mais caro ou mais barato, mas não fugirá muito disso. 

Para saber mais, entre no site dos caras clicando aqui.


Google