sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

Como compor uma fotografia usando a regra da linha do horizonte


As regras de composição fotográfica são úteis para uma boa foto e uma delas, talvez a mais simples, é a regra da linha do horizonte.


Por Diego Calvo
Fotos Diego Calvo
Do FL

Não é preciso dar muitas voltas em se tratando da regra de composição da linha do horizonte. Ela é muito simples, mas pode dar uma boa melhorada na composição das suas fotos. Foi amplamente usada em pinturas e hoje a adaptamos para a fotografia.

Ela consiste em dividir a foto em três partes horizontais (parecida com a regra dos terços), de tamanhos iguais, formando duas linhas. Aí, é só colocar a linha do horizonte em uma das linhas que se formou na divisão.


Você pode querer ver também:
Dicas para fotografar bem melhor
Dicas para fotografar a lua
Dicas para fazer fotometria
Fotógrafos famosos

Trocando em miúdos, a regra da linha do horizonte na fotografia consistem em dividir a foto em três terços (3/3) horizontais e usar um dos terços para compor a cena.

Geralmente, os dois terços (2/3) de baixo ficam para o chão (ou mar) e o terço de cima fica para o céu. Esta é a composição da linha do horizonte mais usada pelos fotógrafos (e artistas plásticos).

Podemos vê-la em prática na foto logo abaixo.


No entanto, em algumas fotos, o assunto está mais na parte de cima, então, usamos 1/3 para o chão e os 2/3 restante para o céu. Como na foto logo abaixo.


Mas toda a regra tem exceção. Na foto abaixo, por exemplo, resolvi colocar a linha do horizonte um pouco acima do 1/3. Isso fiz pois, se aplicasse a regra da linha do horizonte na integra, não iria incluir o segundo barco na cena, e, caso usasse 2/3 em baixo, perderia o mastro do barco principal, o que, para mim, tanto um como o outro, seria uma grande perda. 



Agora, mãos a obra. Teste, faça o que ensinei e tente fazer o contrário também, só assim descobrirá novas cenas para a sua fotografia. 

Google