terça-feira, 3 de setembro de 2013

Como fotografar no momento certo?

A procura de todo fotógrafo é a harmonia do instante. Aí vão algumas dicas para fotografar no momento exato.



Por Diego Calvo
Fotos Diego Calvo

A fotografia envolve técnica, conhecimento, cultura, amor e um certo filing para a coisa. Certo?! Mas existe a pergunta que todo fotógrafo em início de carreira se faz: Como fotografar no momento exato, ou, no instante decisivo?

Para isso é preciso um componente a mais nesta mistura: previsão!

Se você não leu o artigo de Henri Cartier-Bresson sobre o instante decisivo, é indispensável para qualquer fotógrafo ler. Nós temos ele aqui no FL (O instante decisivo de Bresson).

Prever qual o momento de fotografar não requer poderes especiais, requer, sim, conhecer o que se está fotografando e o que se quer mostrar com a foto.

Vamos pegar, como exemplo, um gato e um rato. O rato está ali, quietinho, comendo seu suculento queijo suíço. Você percebe que o gato se aproxima lentamente, na distância exata ele para e se abaixa com o olhar fixo no rato.

Conhecedor do histórico entre gatos e ratos, o que acha que vai acontecer?

a-) O gato vai tirar o rato para dançar?
b-) O gato vai pular e dar o bote no rato?
c-) O gato vai pedir um pedaço do queijo?

Claro que é a resposta “b”, porque você sabe que estes bichos são inimigos naturais. Aí é só esperar o pulo do gato e fotografar o momento exato.

Dica: fotografe o rato e o olhar do gato no mesmo plano, se o gato não pular, ainda assim terá a foto.

Acho que captou o que estou querendo dizer né?

Claro que, na prática, você vai precisar de muita paciência para que as coisas aconteçam sem a sua interferência. Com o tempo vai conseguir precisar melhor quando fotografar, ao ponto que conseguirá harmonia entre varias coisas acontecendo ao mesmo tempo.

É esta harmonia que todos os fotógrafos procuram. Mas fique atento, apesar de ela acontecer a todo instante no mundo, raras serão as vezes que acontecerá uma gigantesca harmonia na sua frente e, uma vez perdido o instante decisivo, não se pode mais recuperá-lo.  

Por isso, deixe sempre sua câmera fotometrada para o ambiente que você está. Caso aconteça algo rápido, você não perderá tempo regulando a câmera. 

Bom, aí vai algumas dicas rápidas e singelas para te ajudar.

Como fotografar o andar?


Quando for fotografar o caminhar de uma pessoa na rua, é recomendável espera pelo passo, ou seja, quando as pernas dela estiverem bem abertas. Isso dá sensação de movimento na foto.

Como fotografar um abraço?


Fotografar pessoas se abraçando é complicado, pois só da para ver um rosto em cada ângulo. O pulo do gato é esperar quando as pessoas estiverem deixando de se abraçar. É natural esperar que elas se entreolhem com carinho e é neste momento que o clique fica bonito.

Como fotografar uma dança?


Espere o momento decisivo em que os bailarinos, ou dançarinos, forem fazer um salto, uma pirueta ou uma posição esteticamente bonita. Ajuda muito se você já conhecer os passos.

Como fotografar um pássaro?


De novo vale a lei da previsão. O que o pássaro faz de melhor é voar. Para captar uma cena dinâmica e de movimento, espere o pássaro alçar vôo e clique. As asas farão seu trabalho na plasticidade da foto. É bom lembrar que fotos de pássaros parados também rendem belas imagens, mas vale esperar que a ave vire seu olhar para um lado que possibilite ver seu rosto, aí, clique.


É claro que você sempre pode modificar tudo o que eu estou falando. O importante é testar e testar.  


Google