segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Aprenda a técnica “Quadros dentro de Quadros” na fotografia


Esta técnica ajuda a dar destaque ao assunto e profundidade ao campo, além de deixar a foto bem atraente.


Por Diego Calvo

A fotografia, como forma de arte criativa, pode ter suas limitações quando falamos em tamanho da imagem. Em uma câmera normal, de 35mm ou crop, podemos fazer fotos paisagem (horizontal) e retrato (vertical), bastando virar a câmera.

Em uma câmera de médio formato, a 6x6 por exemplo, só podemos fazer fotos quadradas, não importando a posição da câmera.
No entanto, sendo a fotografia muito criativa, foi criada a técnica “quadro dentro de quadro”.

O que consiste esta técnica?

Como podemos ver nas fotos de João Machado, um dos mais expressivos fotógrafos documentalistas da atualidade, que ilustram este artigo, um quadro dentro de um quadro significa colocar o assunto dentro de uma moldura natural, ou criada pelo homem, mas que faz parte da cena.

Para isso, pode ser usada uma porta, uma janela, uma falha em uma cerca viva, um buraco no muro, etc., o negócio é soltar a criatividade.

A forma mais utilizada de quadro dentro de quadro é o contraste da sombra com a luz. O fotógrafo deve se posicionar no lado escuro da cena (dentro de um ambiente qualquer) e fazer a fotometria na parte clara do lado de fora. Espere alguém passar e clique.

No caso de ser uma natureza morta, distribua bem os objetos para enriquecer a cena.  

Na foto que abre a matéria, podemos ver um menino na porta com as mãos no batente. João Machado se posicionou dentro da casa e fotômetrou o lado de fora. Assim, podemos ver apenas a silhueta do garoto e a luz do sol fazendo o contorno em sua pele. O quadro dentro do quadro se estende para a sombra do menino no chão de terra batida dentro da casa.


Na foto acima, João se posicionou de forma que pegasse o homem que se debruçava em uma espécie de bilheteria. A forma arqueada do quadro ressaltou a beleza da cena. O fotógrafo ainda conseguiu luz para registrar a parede verde do local.



Nesta outra foto, João usou, para fazer a técnica do quadro dentro do quadro, a parte de baixo de um burro. 
Google