quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Porque aparecem olhos vermelhos nas fotos?



Olhos vermelhos na fotografia têm muito a ver com sangue e acontece quando usamos flash. Saiba como evitá-lo.


Por Diego Calvo

O olho humano é como uma câmera escura, ou como uma máquina fotográfica, só que de biotecnologia infinitamente superior. Ele possui a pupila, que seria como o diafragma na fotografia.

Em situações de pouca luz, a pupila se dilata (abre) para entrar o máximo de luminosidade possível. No inverso, em um dia claro por exemplo, a pupila se fecha.

Dentro do olho temos a retina, que seria como o sensor (CCD ou CMOS) da câmera digital, ou o filme nas analógicas. É ela quem registra a luz e manda os pulsos elétricos para nosso cérebro traduzir em imagem.

Acontece que a retina é irrigada de sangue através de vários vasos presentes no local. Quando usamos flash na fotografia é porque o ambiente está escuro. Se está escuro, a pupila está aberta. Então o flash entra por ela, bate na retina cheia de sangue e reflete o vermelho dele para a câmera. Pronto, olhos vermelhos.  

O incidente ocorre mais regularmente em pessoas com olhos claros.

Claro que dá para retirar o olho vermelho da foto usando photoshop, mas este subterfúgio pode não agradar muito, portanto, darei umas dicas de como evitar os olhos vermelhos na hora de fotografar, ou como os fotógrafos dizem, tirar olhos vermelhos na raça.


Modo automático

Geralmente é indicado na câmera como “redutor de olhos vermelhos” e é representado por um ícone de olho.

Este sistema dispara alguns flashs antes de fotografar, com isso, a pupila se fecha e evita os olhos vermelhos na hora da fotografia de fato.

O problema é que a tomada da imagem fica demorada e você acaba perdendo o instante decisivo. Por isso só é indicado para retratos.

Flash externo

Se você pode usar um flash externo, use. Quanto mais longe da lente o flash estiver, menor é chance de aparecer olhos vermelhos na sua fotografia.

Isso acontece porque a luz que rebaterá na retina, irá para longe da câmera.

Flash de cabeça móvel

Se você tem um flash de cabeça móvel, rebata a luz. Mire o flash para cima ou para o lado, rebatendo no teto ou na parede. Isso também elimina o problema dos olhos vermelhos e pelo mesmo motivo do flash externo.

Olhar para uma fonte de luz

Caso você não tenha nenhum dos recursos acima, peça para a pessoa a ser fotografada olhar por alguns segundos diretamente para uma fonte de luz, como uma lâmpada incandescente. Isso fará com que a pupila se feche, aí é só clicar assim que ele voltar os olhos para a câmera.    


Agora é fotografar e aplicar as técnicas assim que encontrar os malditos olhos vermelhos na fotografia
Google